Mt 6,24-24Mt 6,24-24

 

Muitas vezes estamos  aprisionados pelos nossos desejos: se eu tiver, se puder….  Estamos “presos”

  

Contemplar a natureza:

 

"Olhai para as aves do céu:
não semeiam nem ceifam nem recolhem em celeiros e  o vosso Pai celeste não as alimenta?

Olhai como crescem os lírios do campo: não trabalham nem fiam..."

 Deus Pai, Criador e Senhor, convida-nos a entrar na dança da gratuitidade , da contemplação, da alegria, da união com as Suas criaturas. 

 Ele cuida de nós, não esqueçamos: 

Vem com as flores silvestres e os  pássaros do céu para sentires o cuidado de Deus!

 

Patxi  desenhou um  simpático  anjinho  com um par de tesouras para que "cortemos " o que nos impede a adesão à dança da criação.

Seremos capazes de cortar esses laços ?



publicado por catequesebarra às 11:00