Madrid, 14 Jan (Ecclesia) – O presidente do Conselho Pontifício para os leigos anunciou hoje em Madrid que João Paulo II vai ser o patrono da Jornada Mundial da Juventude marcada para o próximo mês de Agosto, na capital espanhola.

O cardeal Stanislaw Rylko fez a revelação aos mais de 400 participantes no encontro internacional de preparação para a Jornada, que decorre até ao dia 15, ao divulgar que a beatificação do falecido Papa polaco tinha sido oficialmente marcada para 1 de Maio de 2011.

João Paulo II foi o responsável pela criação destas Jornadas Mundiais da Juventude (JMJ), celebradas desde 1985, tendo sido recordado pelo cardeal Rylko como um “amigo dos jovens”.

 

Beatificação de João Paulo II marcada para 1 de Maio

 

João Paulo II será beatificado a 1 de Maio, anunciou hoje o Vaticano. Bento XVI aprovou oficialmente um milagre atribuído a João Paulo II, o último passo no caminho da beatificação.

A beatificação está marcada para 1 de Maio. A data é muito significativa, sendo a celebração da Divina Misericórdia, uma festa instituída por João Paulo II, assinalada no primeiro domingo depois da Páscoa - precisamente o dia em que faleceu.

 

 

Um homem entregue a Jesus Cristo O padre Dâmaso Lambers, capelão prisional e colaborador do Grupo r/com [que detém a Renascença], mostra-se satisfeito com a notícia e recorda um homem “extraordinário”, que vivia totalmente para Jesus Cristo.

“É um momento extraordinário este reconhecimento da santidade de João Paulo II. Ele foi único na Igreja. Estou convencido de que nunca houve um Papa com uma espiritualidade tão profunda, tão evangelizadora, como este Papa. Ele estava totalmente entregue a Jesus Cristo.”

 

publicado por catequesebarra às 22:13